Prevenção contra cânceres

Compartilhar com:


 

Câncer de colo de útero

Prevenir-se de um dos tipos de cânceres mais comum no mundo e no Brasil, como o câncer de colo do útero, é fundamental. Comprovadamente este tumor está intimamente ligado a relações sexuais, pessoas com multiparceiros, pessoas que tiveram multipartos vaginais e ao vírus herpes genital. A questão da higiene é fundamental. Atinge mulheres entre 30 e 50 anos.

Prevenção: O cuidado é evitar relações sexuais com diferentes parceiros. Sempre utilizar preservativo de maneira correta. Verificar verrugas ou feridas genitais. Evitar corrimento genital abundante com dor forte e sangue.

Pode não haver sintomas. Em alguns casos, pode ocorrer sangramento irregular ou dor. Importante fazer semestralmente o exame Papanicolau e tomar vacina contra o HPV.

Câncer de mama

Utilizar todas as estratégias para prevenção do câncer da mama, o de maior prevalência nas click here mulheres em todo mundo, é um desafio mundial. Estatisticamente 29% de todos tumores no sexo feminino são mamários. Geralmente o diagnóstico é após 40 anos de idade. Os cuidados deverão ser maiores quando há história da doença em parentes de primeiro ou segundo grau com o tumor – como mãe, irmã, mulheres sem filhos, mulheres que não amamentaram e mulheres que tiveram filhos após 30 anos de idade.

Prevenção: Praticar atividades físicas, alimentar-se de forma saudável, manter o peso corporal adequado, evitar consumos de bebidas alcóolicas, amamentar, evitar uso de hormônios sintéticos como anticoncepcionais e terapias de reposição hormonal, evitar sutiãs muito apertados e por longo tempo de uso no dia a dia. Observar presença de secreção mamilar, caroços ou nódulos endurecidos e fixos bem como alterações do aspecto da pele deformada e enrugada. Fazer exame ultrassonografia e Termografia semestralmente.

Câncer de boca

Cada dia um maior número de pessoas apresenta câncer na cavidade oral. Várias estruturas anatômicas podem originar tumores, como  língua, palatos, bochechas, gengivas e osso. Atinge homens e mulheres em quaisquer idades. Está relacionado com hábitos inadequados de vida.

Prevenção: Evitar bebidas e alimentos como sopas quentes e carnes assadas. Bem como bebidas alcoólicas e fumo. Observar posicionamento e tempo da prótese dentária. Escovar os dentes diariamente após refeições e, principalmente, examinar a boca no espelho mensalmente.

Câncer de próstata

O câncer de próstata tem maior prevalência nos homens. Chega a 30% de todos os tumores. A idade é um dos fatores importantes, já que os casos aumentam acima dos 45 anos. História familiar e parentesco de primeiro e segundo grau com a doença (pai, irmão) devem servir de alerta.

Prevenção: Verificar dor ao urinar e graus avançados de dificuldade para urinar assim como a frequência aumentada ao urinar durante a noite. Consulta ao médico urologista deve ser feita anualmente quando acima dos 40, 45 anos e semestralmente depois dos 60 anos.

 

Saúde

Dr. Sergio Munhoz